A vida a dois em NÓS de David Nicholls

quarta-feira, 21 de março de 2018


" É claro que, após quase um quarto de século, todas as perguntas sobre nossos passados já foram feitas e ficamos com " como foi seu dia?", "quando você volta para casa?, e "jogou o lixo fora?". Nossas biografias nos envolvem tão intrinsecamente agora que ambos estamos em quase todas as páginas. Sabemos as respostas porque estávamos lá, de modo que é difícil manter a curiosidade; substituída, suponho, pela nostalgia."

Página 66


Nós é mais uma obra incrível de David Nicholls, mesmo autor de Um Dia, que é um dos meus livros favoritos, e na verdade por mais que os dois sejam diferentes entre si por diversos motivos, ambos assemelham-se no tema: a vida.

Em Um Dia, acompanhamos 20 anos dos personagens principais, suas idas e vidas, seus anseios, medos e as mudanças que ocorrem ano após ano e que ninguém tem controle. Em Nós, acompanhamos um casal casados a quase 25 anos, e que após todo esse tempo começam a enfrentar problemas que podem influenciar toda uma vida. Connie, a esposa, deseja de "redescobrir" e pede o divórcio, Douglas, o esposo, acredita desesperadamente em seu casamento e promove uma viagem de família para tentar fazer com que Connie se apaixone novamente.

A escrita do autor é extremamente rica e o livro é muito bem construído, de forma que os personagens e suas histórias nos são apresentados de forma muito real. Além da viagem, entre os capítulos, vamos conhecendo a história dos personagens, desde quando se conheceram até todas as fases que enfrentaram juntos, e isso traz uma autenticidade a história e durante a leitura realmente acreditamos na história deles.

O autor consegue construir situações e sensações que rapidamente nos identificamos, o que torna inevitável torcer por um final feliz para os personagens. Quando terminamos de ler, pela ótima construção do autor, parece que acompanhamos anos dos personagens de não somente 400 páginas, e isso traz ao livro originalidade e veracidade.


" Em uma luta, você se alia às pessoas que ama. É assim que as coisas são."

Página 171

O livro é uma busca de uma pessoa por uma segunda chance, é a luta de um homem por aquilo que acredita, mas ao mesmo tempo é sobre duas pessoas que descobrem que a vida, após um longo tempo, ainda pode ser incrível, ainda pode ser surpreendente e que basta olhar para ela prontos para enfrentá-la com a cabeça erguida.

Assim como em Um Dia, o autor utiliza a realidade brutal e singela da vida, nada nos seus livros são clichês e quando terminamos a leitura, por mais que fiquemos com o coração na mão, entendemos que é assim que a vida funciona, nem sempre as coisas são fáceis e diversas vezes a realidade cruel.

Nós me tocou e me vez amar mais um livro do autor, me fez ver que devemos lutar sim por segundas chances, me fez enxergar que todo temos uma história, e que devemos dia após dia aproveitar o tempo com as pessoas que amamos. Recomendo muito a leitura, porque embargar na história de uma vida de um casal, me fez perceber minha própria história. 





Nenhum comentário

Postar um comentário